Ecologia, Colonialismo e Biopolítica 22.10.2019

Seminário de discussão sobre ecologia política e crítica pós-colonial, com Orazio Irrera, Davide Scarso e Mariana Pinto dos Santos.

22 otubro 2019
Instituto de História Contemporânea
Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade NOVA de Lisboa

 

Ecologia, Colonialismo e Biopolítica

 

Tanto a ecologia política como a crítica pós-colonial têm ganho crescente protagonismo público e mediático em tempos mais recentes, no quadro dos debates a respeito da crise climática global ou das polémicas envolvendo os legados dos passados coloniais. Mais raro é que as duas questões sejam problematizadas de forma relacionada, como procuraremos fazer neste seminário, beneficiando da presença em Lisboa de Orazio Irrera, professor no Departamento de Filosofia da Universidade de Paris 8, co-director da revista materiali foucaultiani e antigo bolseiro de pós-doutoramento do IHC, a que se juntam Davide Scarso (CIUHCT — NOVA FCT) e Mariana Pinto dos Santos (IHA — NOVA FCSH).

A discussão desenvolver-se-á a partir do debate do texto « Décentrer la biopolitique. Remarques autour d’une généalogie coloniale de l’écologie politique », de Orazio Irrera. Após curtas intervenções iniciais dos três investigadores referidos, o debate será aberto à intervenção de todos os participantes.

Coordenação : José Neves e Rita Lucas (IHC — NOVA FCSH)

Este encontro realiza-se com o apoio do projecto Amílcar Cabral, da História Política às Políticas da Memória (PTDC/EPH-HIS/6964/2014).

 


 

Tempo
(Terça-feira) 5:00 pm - 7:00 pm

Localização
NOVA FCSH, Torre A, Sala TA 304
Av. Berna, 26C — 1069-061 Lisboa

Organizador
Instituto de História Contemporânea - Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade NOVA de Lisboa
comunicacao.ihc@fcsh.unl.pt Avenida de Berna, 26C — 1069-061 Lisboa

https://ihc.fcsh.unl.pt/